fbpx

(11) 4191-6860 (11) 94337-3535 (Venda de peças) (11) 99922-6705 (Orçamentos/Projetos) (11) 96373-8353 (Manutenções) (11) 4195-5436

Como fazer um jardim vertical em casa

O jardim vertical ou também conhecido como jardim suspenso, é uma proposta paisagística que utiliza a tendência de verticalização, ou seja, em vez de cultivar plantas na parte baixa, como tradicionalmente acontece, ele prevê o uso de estruturas elevadas.

Eles se popularizaram tanto por sua beleza quanto funcionalidade!

O jardim vertical aproveita paredes, varandas e demais ambientes com pouco espaço para construir uma área verde, valorizando o imóvel e deixando o ambiente natural e confortável.

Além disso, é possível planejar um lindo jardim vertical com materiais que você encontra com facilidade. Quer aprender como implementar essa ideia?

Então, continue lendo e confira as principais informações e dicas para acertar no projeto!

Defina o local do seu jardim vertical

O primeiro passo é escolher o local ideal para instalação. Eles podem ser estruturados em varandas, halls de entrada, cozinhas gourmet, jardins de inverno e até banheiros maiores.

Opte por um espaço que seja mais amplo e considere as condições de espaço disponível, área de circulação e até a forma de uso do ambiente. É muito importante garantir a escolha de um ponto estratégico e que ajude a valorizar o jardim.

Escolha as espécies de plantas

Vale utilizar todos os tipos de plantas, como ervas aromáticas, folhagens ou flores — desde que o tamanho da área e dos vasos seja respeitado.

Mas é necessário também levar em consideração todas as questões do ambiente, como a iluminação, a temperatura, a incidência solar e demais pontos.

Normalmente, os jardins verticais são compostos por plantas comestíveis (manjerona, orégano, hortelã e pimenta, por exemplo).

Veja algumas ideias para você escolher as plantas de acordo com a luminosidade:

Lugares com muito sol:

  •         barba-de-serpente;
  •         spargo-pluma;
  •         brilhantina;
  •         flor-de-coral;
  •         orquídea-grapete;
  •         tilândsia;
  •         hera-inglesa;
  •         lambari roxo.

Lugares com pouco sol:

  •         chifre-de-veado;
  •         chuva-de-ouro;
  •         babosa de pau;
  •         flor-de-maio;
  •         liríope;
  •         bromélia;
  •         peperômia;
  •         samambaia.

Como montar seu jardim vertical

É muito importante escolher bem as estruturas para a montagem do seu jardim. Opte por um modelo de acordo com a personalidade da sua casa, encontrando elementos que combinem com a decoração.

Veja algumas ideias:

  •         Treliças e vasos: estrutura metálica que fica em uma parede livre, servindo de suporte para pendurar os vasos;
  •         Jardim suspenso: vasos de diversos tamanhos que podem ser pendurados no teto;
  •         Painel de madeira: comporta vasos de diversos tamanhos e cores;
  •         Garrafas plásticas: garrafas de refrigerante e produtos de limpeza são excelentes alternativas, pois são sustentáveis. Você pode optar por pintá-las com spray e decorá-las com outros materiais alternativos.

Cuide da manutenção

Alguns aspectos devem ser observados para a manutenção e cuidado do seu jardim vertical.

Preste atenção à irrigação de água, verificando semanalmente se a terra está seca ou encharcada. Cheque também se as plantas estão adaptadas ao clima. Se não estiverem, substitua algumas espécies.

Faça a adubação com frequência, utilizando, de preferência, produtos orgânicos e naturais, a fim de não prejudicar o solo.

Por fim, limpe os vasos, retire ervas daninhas e faça reparos para não acumular bactérias e fungos, o que prejudica a saúde das plantas.

Como vimos hoje, o jardim vertical é uma excelente alternativa para criar uma área verde, mesmo seu o seu apartamento ou a sua casa forem pequenos.

Para isso, é preciso saber escolher o local ideal, as mudas certas e garantir os cuidados necessários.

Para ter um resultado mais harmonioso, escolha vasos bonitos e pense na combinação de cores, incluindo detalhes na decoração.

Agora é a sua vez de começar a planejar e estruturar o seu jardim vertical!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *